Denise Bueno
Denise Bueno

Jornalista especializada na indústria de seguros brasileira e internacional

Insurtechs receberam US$2 bilhões em investimentos em 2019

No ano passado, o setor registrou cinco unicórnios e nos últimos três, anos 184 insurtechs que haviam tido a capacidade de levantar capital, fecharam as portas 21 de Fevereiro de 2020

Escrito por Denise Bueno

As insurtechs receberam US$ 6,37 bilhões em 2019, sendo quase US$ 2 bilhões dos investimentos no último trimestre do ano. “Mas a inovação tecnológica não está limitada a um punhado de novas empresas. A revolução digital atravessa o setor dos seguros de forma transversal e há já algum tempo que a maioria das empresas entende que a tecnologia e a sua utilização estão a mudar definitivamente o paradigma do mercado segurador”, afirma Nuno Arruda, diretor comercial da Willis Towers Watson, em artigo publicado no portal português Eco.

Só em 2019 foi investido cerca 40% do valor histórico em insurtechs, tendo testemunhado a criação de 5 novos unicórnios, num total de 10 Insurtechs que até à data atingiram esse estágio. É inevitável que assim seja, quando o padrão e a tipologia de consumidores e mercados evoluem a uma velocidade nunca antes vista.

Por outro lado, por muito atrativa e sexy que seja esta temática, a verdade é que nem sempre a história destas empresas tem um final feliz. “De acordo com os nossos dados, nos últimos três anos 184 insurtechs que haviam tido a capacidade de levantar capital, fecharam as suas portas”, informa.