Economia do Seguro

Francisco Galiza

Francisco Galiza

Mestre em Economia (FGV); membro da ANSP (Academia Nacional de Seguros e Previdência); autor do livro “Economia e Seguro – Uma Introdução” (3ª edição); coordenador da Revisão do Dicionário da Funenseg, em 2011; professor do MBA-Seguro e Resseguro (FUNENSEG); sócio da empresa Rating de Seguros Consultoria (www.ratingdeseguros.com.br).

Previsões Seguros 2013 e 2014

Comentários Econômicos - 13/12/2012

Com o fim do ano, a resseguradora Swiss Re lançou nesse mês de dezembro o estudo Global Insurance Review and Outlook 2013/2014.

Ver...

http://media.swissre.com/documents/Global+insurance+review+2012+and+outlook+2013_14.pdf

O trabalho avalia o que aconteceu em 2012, e faz as suas previsões para os próximos dois anos.

Essas são as conclusões principais:

  • O crescimento econômico dos países foi baixo em 2012, mas em 2013 as perspectivas são melhores.
  • Em termos de prêmios de seguros, a expectativa é a mesma.
  • Atualmente, um dos maiores desafios das seguradoras é enfrentar a queda nas taxas de rentabilidade, causada, entre outros motivos, pela trajetória da taxa de juros.
  • Nas resseguradoras, o resultado ainda ficará impactado pelas grandes catástrofes.
  • O crescimento da receita de seguros nos países emergentes continuará a ser melhor do que nos países desenvolvidos.

Na tabela abaixo, análise da evolução da receita do seguro não vida.

Em média, em termos reais, as expectativas são de que os prêmios dos países emergentes crescerão em 2013 e 2014 de 7,0 a 7,5% ao ano, contra 2,5 a 3,5% nos países desenvolvidos.

Ver outros artigos de Comentários Econômicos