Economia do Seguro

Francisco Galiza

Francisco Galiza

Mestre em Economia (FGV); membro da ANSP (Academia Nacional de Seguros e Previdência); autor do livro “Economia e Seguro – Uma Introdução” (3ª edição); coordenador da Revisão do Dicionário da Funenseg, em 2011; professor do MBA-Seguro e Resseguro (FUNENSEG); sócio da empresa Rating de Seguros Consultoria (www.ratingdeseguros.com.br).

Fatores de Risco de Roubos de Documentos

Comentários Econômicos - 13/07/2015

Um dos aspectos mais interessantes ligados à área de seguros é a possibilidade de avaliar os fatores de risco em diversas situações empresariais, e até mesmo no cotidiano de cada um.

Um bom exemplo é a reportagem da revista "Business Insider - Australia", denominada "If you've recently done one of these 3 things, you're at a higher risk for having your identity stolen".

Ver.

http://www.businessinsider.com.au/highest-risk-of-identity-theft-2015-7

O estudo avalia as situações em que aumenta a probabilidade de você ter os seus documentos roubados, pelo fato de as suas informações pessoais ficarem mais expostas:

  • Se você casou no ano passado, o risco aumenta em 350%.
  • Uma mulher ter um filho ou engravidar aumenta o risco de roubo de identidade em 270%.
  • Ao perder ou iniciar um novo trabalho, aumenta o risco de roubo de identidade em 50%.
  • Pessoas que tenham se separado nos últimos 12 meses, o risco aumenta em 350%.

Ver outros artigos de Comentários Econômicos