Economia do Seguro

Francisco Galiza

Francisco Galiza

Mestre em Economia (FGV); membro da ANSP (Academia Nacional de Seguros e Previdência); autor do livro “Economia e Seguro – Uma Introdução” (3ª edição); coordenador da Revisão do Dicionário da Funenseg, em 2011; professor do MBA-Seguro e Resseguro (FUNENSEG); sócio da empresa Rating de Seguros Consultoria (www.ratingdeseguros.com.br).

Em novembro, ICES teve uma melhora expressiva

Comentários Econômicos - 02/12/2014

Em novembro, o ICES teve uma melhora expressiva - a maior variação percentual registrada em um só mês (9,6%), desde que o indicador foi criado, há mais de dois anos. O valor atingiu 84,3, com o principal ganho ocorrendo nas expectativas quanto ao futuro da economia brasileira. Ressaltamos, porém, que, como o índice ainda está abaixo de 100, o pessimismo nas seguradoras permanece, mas agora em menor intensidade.

Nos outros indicadores calculados (ICER, ICGC e ICSS), também houve avanços, seguindo a mesma tendência favorável citada acima.

A seguir, o gráfico do ICES.

Em anexo e abaixo, uma análise mais detalhada dos resultados.

http://www.ratingdeseguros.com.br/pdfs/ICSSnov2014.pdf

Ver outros artigos de Comentários Econômicos