Economia do Seguro

Francisco Galiza

Francisco Galiza

Mestre em Economia (FGV); membro da ANSP (Academia Nacional de Seguros e Previdência); autor do livro “Economia e Seguro – Uma Introdução” (3ª edição); coordenador da Revisão do Dicionário da Funenseg, em 2011; professor do MBA-Seguro e Resseguro (FUNENSEG); sócio da empresa Rating de Seguros Consultoria (www.ratingdeseguros.com.br).

Reservas do Setor de Seguros (sem saúde) devem fechar 2014 com R$ 540 bilhões

Comentários Econômicos - 20/05/2014

Abaixo, apresentamos a 2ª Carta de Conjuntura do Setor de Seguros.

Ver...

http://www.ratingdeseguros.com.br/pdfs/cartaconjuntura2.pdf

Iniciado em abril, esse estudo é divulgado todo mês, entre os dias 20 e 25. O seu objetivo é ser uma avaliação econômica do setor de seguros e seus setores relacionados (resseguro, capitalização, previdência, etc), abordando também a sua correlação com aspectos macroeconômicos do país e com outros segmentos da economia.

Em maio, um aspecto destacado no texto foi o cálculo com a estimativa do saldo das reservas do setor de seguros (sem saúde) até o final de 2014, conforme gráfico abaixo.

Ver outros artigos de Comentários Econômicos