Denise Bueno

Denise Bueno

Jornalista especializada na indústria de seguros brasileira e internacional

Sempre Corretor

É o lema de Alexandre Camillo no Conec e, se eleito deputado estadual
26/09/2018

Começa na quinta-feira e termina no sábado o Congresso Nacional dos Corretores de Seguros, o maior evento da categoria e que neste ano com com mais de 10 mil inscritos. Alexandre Camillo, licenciado do posto de presidente do maior sindicato da categoria, Sincor-SP, para concorrer a uma vaga de deputado estadual, conversou com o blog Sonho Seguro sobre o cenário atual que marca a realização do evento.

Como você vê o futuro do mercado de seguros?

Alexandre Camillo – Vejo o mercado de seguros no futuro com o dinamismo que sempre teve. O mercado de seguros é um mercado atraente, e esta atratividade é o que acaba ocasionando momentos de intranquilidades e visões de oportunidades. Hoje, sempre que alguém for mapear onde investir recursos financeiros, de tecnologia e intelecto, o mercado de seguros certamente será identificado como um deles. Atuamos em um mercado que, apesar do momento que passa o país, cresce 9% ao ano. É um mercado com um potencial quase incomparável, o que gera todo este dinamismo. Por isso vejo um futuro ainda maravilhoso para o mercado de seguros.

E dos corretores de seguros?

Alexandre Camillo – Totalmente inseridos neste contexto. Talvez as abordagens junto ao cliente serão modificadas, o cliente certamente terá novidades em opções. A abordagem ao cliente hoje já é diferente, várias são as formas de chegar a ele, mas certamente o corretor de seguros tem muito potencial ainda para ser a melhor opção de o cliente de adquirir um produto de seguros, pautado muito pela complexidade do produto e pela confiança que é necessária para se ter este produto. Então eu vejo o corretor de seguros com um desenvolvimento muito grande pela frente e uma participação de mercado ainda em desenvolvimento muito grande. Mesmo no mundo desenvolvido ainda ocorre de forma marcante a presença do corretor de seguros.

Se eleito, quais suas prioridades como parlamentar?

Alexandre Camillo – Sendo eleito, certamente vou querer ser um instrumento de representação política do setor – quero deixar isso bastante claro. Assim, vou mapear todas as necessidades do corretor de seguros no setor, questões tributárias, de regulamentação, de combate a ações ilegais que atacam a instituição seguro, mapear todos os projetos de lei que já existem sobre seguro para ver em quais eu posso atuar, fazendo força a favor ou contrária, e como parlamentar vou identificar projetos de lei que fomentem o desenvolvimento do mercado de seguros. Mas claro não serei parlamentar somente do setor ou do corretor de seguros, eu terei compromisso com o eleitor de uma forma geral e com todos que apoiam a nossa candidatura, por isso atuarei também em quatro áreas prioritárias, passando pela saúde, pela segurança pública, pela longevidade (cuidado com o idoso) e, fundamentalmente, pelo cuidado com a gestão eficiente do recurso público.